img059

Passo a passo do self-care: cuidado energético e mágico

O BEDA foi pro brejo, mas tudo bem – estou em paz com isso, completei meu objetivo original de um 1/2 BEDA, e continuei acompanhando a galera da #resistência que prossegue escrevendo todos os dias até o fim do mês.

Vou começar agora o meu plano pra setembro: tentar encontrar um bom meio-termo entre um post todo dia e meus habituais dois posts por mês. Tô tentando respeitar meu ritmo, minhas capacidades e minhas vontades, então, seguindo no tema, o post de hoje é a segunda parte do meu guia de self-care.

Em agosto eu falei de cuidar do seu corpo, e hoje vou falar de uma onda mais espiritual-energética-witchy, incluindo coisas que eu mesma gosto de fazer e dicas de amigas minhas.

MEDITAÇÃO

Minha cabeça é rápida e cheia demais para meditação – por isso mesmo quando tento faz toda a diferença! Não sou uma super meditadora – e tem quem diga que o que faço nem qualifica como meditação de verdade –, mas só a prática básica de sentar confortavelmente, fechar os olhos, respirar fundo por um tempo e tentar esvaziar minha mente já é incrível para reorganizar meus pensamentos. Como eu fico impaciente se tento fazer quieta e sozinha, eu tenho usado o Stop, Breathe & Think, que tem meditações guiadas curtinhas (muita gente prefere o Headspace, mas nunca me adaptei a ele). Para quem quer tentar uma estratégia mais focada e consciente ainda, a Louise Androlia tem um guia incrível de meditação, explicando os princípios, ensinando técnicas e dando dicas.

AFIRMAÇÕES

Ia chamar de mantra, mas a Duds já me ensinou que mantra é outra coisa, então fico com o conceito de afirmações. A ideia é simples: frases que você pode repetir durante o dia, escrever na parede, ler ao acordar, só repetir mentalmente mesmo, para te dar força. Você mesma pode criar as frases, escolher citações que te inspiram, ou procurar ideias na internet, e elas podem ter focos diferentes, dependendo do que você sente/precisa/deseja. Eu gosto demais da afirmação de retomada de poder da Danielle Laporte, tenho até escrita num post-it na minha mesa de trabalho. A Gala Darling dá algumas sugestões aqui também. O que é importante das afirmações é que elas sejam frases afirmativas no presente – que elas digam “eu sou” em vez de “eu serei”, por exemplo – e que elas sejam positivas e sem dúvidas – passe longe do “talvez” e do “quem sabe”.

ENCONTRAR A NATUREZA

Se você mora perto de praias, lagos, rios, parques, florestas, enfim, qualquer natureza, uma visita calma e focada é uma boa ideia. Vai com calma, vai sozinha, sente bem o contato com o chão, tira o sapato se puder, senta na grama se puder, mergulha na água se puder. Pegar um pouquinho de sol me ajuda muito a acordar pra vida quando tô num ritmo de não sair do sofá o dia inteiro. Eu moro perto de um parque que adoro, então quando sinto que preciso de uma energia extra, gosto de ir para o café de lá comer alguma coisa, ou de sentar num banquinho e curtir o ambiente um pouco, pisar bem forte no chão e na terra e me sentir conectada a ela, sabe? Para quem é de praia, um banho de mar é poderoso à beça – cachoeira também é ótimo.

Ilustração: Clara Browne.

Ilustração: Clara Browne.

VISUALIZAÇÕES

Quando sente que o mundo está pesando demais em você, ou quando sente que tem energias ruins ao seu redor, visualizar uma proteção energética é uma boa. Existem algumas possibilidades – visualizar uma bolha ao seu redor te protegendo, visualizar uma capa te cobrindo, pode até ser uma armadura. Uma vez li também uma sugestão de visualização que me ajuda muito quando tô me sentindo desconfortável com minha aparência ou minha roupa na hora de sair da roupa, por exemplo, me sentindo muito vulnerável aos olhares dos outros, que é visualizar meio um zíper fechando dos seus pés à sua cabeça, como se uma proteção se fechasse ao seu redor. Se você quiser proteger a energia de um lugar, ou de mais gente, faça uma visualização equivalente, mas ao redor do espaço – se puder fazer junto com as outras pessoas, de mãos dadas, é ainda melhor.

Quando é a sua energia que está ruim, tem coisa demais na sua cabeça, você passou por um dia exaustivo, visualizações podem também ajudar a se livrar disso. Tente respirar fundo, inspirando pelo nariz e expirando pela boca, visualizando ar limpo entrando e as energias ruins saindo. Ou, no banho, visualize a “sujeira” emocional e energética saindo junto com a sujeira física que você está limpando, e indo embora pelo ralo. A Clara (que me ajudou muito com este post) contou que gosta de se visualizar puxando uma corda de energias ruins de dentro da garganta, com a mão mesmo, para se limpar dessas coisas. Ou seja: você pode adaptar a visualização para o que funciona melhor para você e parece mais natural.

OUTRAS DICAS

Como falei, a Clara me ajudou demais com o post, porque ela entende muito dessas coisas. Quando pedi sugestões, ela ainda me deu todas essas ideias, para coisas específicas, e vou listar para vocês:

  • Tampar o umbigo (com a roupa ou com um esparadrapo em cima) ou carregar alho no bolso para se proteger de energias ruins.
  • Varrer seu corpo com ramos de manjericão ou arruda para recuperar energia.Tomar um banho de manjericão para se limpar de coisas negativas: encher um balde d’água, desfolhar os ramos de manjericão na água, mentalizando boas energias; aí tomar um banho normal e, depois de tudo, já com o chuveiro desligado, virar o balde na cabeça, ainda mentalizando energias boas. Depois do banho, juntar as folhinhas, botar num saquinho e jogar em horta/árvore/jardim/planta perto da sua casa.
  • Cruzar duas espadas-de-são-jorge (a planta) debaixo do colchão para curar a insônia – no dia seguinte, colocar as plantas bem longe de casa, em algum lugar de natureza.
  • Também para insônia, colocar sete cravos debaixo do travesseiro. Nesse caso, jogar com força os cravos numa árvore no dia seguinte.

A Gala Darling também deu sugestões aqui para cuidar das energias da sua casa, e no Autostraddle tem um post de self-care witchy.

Quais são as dicas de vocês? Adoraria testar coisas novas para recuperar minha energia nesses dias mais complicados!

5 comentários sobre “Passo a passo do self-care: cuidado energético e mágico

  1. Ana Luísa Bussular disse:

    Ei Sof, querida! Adoro os posts nessa linha. Eu tenho tanto barulho interno que preciso de uma vez aprender a meditar, já to baixando esse app que você indicou pra ver qual é. Já pensou se eu subo na vida e começo a meditar em headstand? HAHAHA
    Sou super adepta das visualizações e das frases que tento ecoar na minha cabeça para lembrar sempre. Uma hora vai, né?
    Beijos!!

    http://mvcee.blogspot.com

  2. Isadora Attab disse:

    que coisa mais linda (essa sou eu comentando em TODOS os posts do blog, então me aguenta). eu preciso tanto disso, sou tão vulnerável e exposta que sempre termino o dia meio cabisbaixa – é notável como minha energia vai ‘minguando’ e, justo quando eu chego em casa, no meu cantinho, no meu ninho, tôu meio abalada. não pode, né? gostei especialmente da parte mais “prática” das ervinhas e tals. também vou atrás da história da meditação, que eu nunca tentei!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>